Rômulo é preparado para jogo decisivo do Fla, mas não atua 90 minutos há 10 meses

O Flamengo está focado para o confronto diante do São Paulo, na próxima quarta-feira (18), e um jogador em especial terá uma grande oportunidade para voltar a mostrar serviço: Rômulo. O volante vai ser o escolhido para substituir Gustavo Cuéllar, que está suspenso.

O jogo, que é tratado como decisivo por ambos os clubes, será uma espécie de “chance final” ao jogador, segundo o Uol Esporte. O atleta está sem disputar uma partida inteira há mais de dez meses. A última vez em que o volante atuou os 90 minutos, foi no dia 30 de agosto de 2017, quando o Mais Querido foi eliminado da Primeira Liga pelo Paraná. Até o confronto diante do São Paulo serão 322 dias sem estar em campo durante um embate inteiro, conforme informou o Uol.

Além da suspensão de Cuéllar, que foi expulso no último cotejo antes da pausa para a Copa do Mundo contra o Palmeiras, a venda de Jonas para o Al-Ittihad, da Arabia Saudita, vai dar a oportunidade de Rômulo ser o escolhido por Mauricio Barbieri. O camisa 28 havia perdido espaço por problemas físicos, mas também por atuações bem contestáveis por torcedores e imprensa.

Aliás, o meio-campista foi bastante cobrado pela torcida, o que fizera com que deixasse de ter o status de grande reforço e se transformou em um dos mais criticados do elenco. O volante até deixou de ser relacionado para diversos compromissos.

Por isso, o seu empréstimo chegou a ser estudado pelos dirigentes, no entanto, as conversas não fluíram e com a venda de Jonas, a comissão técnica achou por bem tê-lo no plantel. O contrato do jogador vai até dezembro de 2020 e terá uma chance importante quando aparentava, para muitos torcedores, estar descartado dos planos de Mauricio Barbieri.

Rômulo foi contratado em janeiro de 2017 e, ao desembarcar no Rio de Janeiro, viu a torcida fazer festa pela sua chegada. Com direito a AeroFla — como foi denominado a celebração —, ele perdeu prestígio, mas vai ter a chance de refazer a sua imagem no clube. Caso não consiga, a tendência é que o futuro do meia seja distante da Gávea, de acordo com o Uol Esporte.

No Fla desde 2017, o atleta chegou sem custos, pois conseguiu a rescisão do seu contrato com o Spartak Moscou, da Rússia. Desde então, ele tem 33 jogos disputados e fez um gol. Nesta temporada, o meia disputou apenas sete partidas, enquanto que na última foram 26 pelejas oficiais defendendo o Manto Sagrado.

Com Rômulo, o Flamengo enfrenta o São Paulo na próxima quarta-feira (18), no Estádio Jornalista Mário Filho, o Maracanã. O cotejo vai ter início às 21h45, horário de Brasília, e será válido pela 13° rodada do Campeonato Brasileiro. Enquanto o Fla espera abrir vantagem de sete pontos para o Tricolor, os paulistas desejam diminuir para apenas um. O Rubro-Negro é líder isolado com 27 pontos, enquanto o Soberano é o terceiro — empatado em pontuação com o Atlético Mineiro, segundo colocado — com 23.

O post Rômulo é preparado para jogo decisivo do Fla, mas não atua 90 minutos há 10 meses apareceu primeiro em Coluna do Flamengo - Notícias, colunas, contratações, jogos e mais.



from Coluna do Flamengo – Notícias, colunas, contratações, jogos e mais https://ift.tt/2ufCAgb

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Flamengo é derrotado no clássico, e torcida perde a paciência com o time; veja reações

BOTAFOGO 2 X 1 FLAMENGO | BRASILEIRÃO 2018 | TRANSMISSÃO 100% RUBRO-NEGRA

Abel Braga afirma que administração do Flamengo está “dando baile”

César avalia falha individual no segundo gol do Botafogo: “Foi uma decisão ruim que tomei”

De olho no rival: antes de encarar o Fla, Santos perde para a Chapecoense no Pacaembu

Demitido do Fla, Barbieri é o terceiro em ranking de técnicos com melhor aproveitamento no Brasileirão

#BombouNoColuna: declaração de Renato Gaúcho, mais um VP deixa o Fla, e mais

Fabricio Chicca: “As conquistas do Flamengo serão a redenção do futebol brasileiro… mas ainda falta muito”

Réver comenta falha no primeiro gol e desabafa: “Não adianta querer crucificar um jogador ou outro”

Léo Duarte reconhece erro em pênalti e agradece ao goleiro César: “Tiraria a gente do campeonato”