Renê admite desgaste da equipe por conta do calendário apertado

O avanço de qualidade técnica do elenco rubro-negro está cada vez melhor, e isso se aplica para os jogadores que têm sido cobrado pela grande torcida. Renê, lateral do Mengão, concedeu entrevista coletiva poucas horas após a classificação da equipe para as quartas de finais da Copa do Brasil. Segundo ele, a equipe está sentindo desgaste por conta do calendário apertado e a intensidade que os atletas estão fazendo em campo.

Temos que nos adaptar ao calendário, que, às vezes, é um pouco maluco. É um jogo atrás do outro, estamos em várias competições e não dá para descansar toda hora. Isso fica por conta da fisiologia e do treinadorFazemos o máximo em casa e aqui no clube, tentamos descansar e nos recuperar bem para estar sempre à disposição e ajudar em campo.

Provavelmente com uma equipe alternativa, o Flamengo volta a campo no próximo domingo, em Chapecó, contra a Chapecoense. A partida será válida pelo Brasileirão, a principal competição nacional. O Mais Querido busca somente a vitória para permanecer na liderança com campeonato. O embate marcará a volta do meia Diego Ribas aos gramados.

O post Renê admite desgaste da equipe por conta do calendário apertado apareceu primeiro em Coluna do Flamengo - Notícias, colunas, contratações, jogos e mais.



from Coluna do Flamengo – Notícias, colunas, contratações, jogos e mais https://ift.tt/2IdKYpy

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Goleiro da França e mais dois capitães de seleções assinam petição por liberação de Guerrero

Rodrigo Mattos: “Na Copa, CBF é a federação que mais desfalca times no ‘período Fifa’”

Flamengo tem retrospectro positivo contra o River Plate

Fla começa no CBLOL reeditando final do Circuito Desafiante contra a IDM Gaming; veja tabela

Conheça Matheus Thuler, zagueiro titular do Fla contra o Atlético-MG

Jogadores do Fla estão preparados para qualquer adversário, garante Everton Ribeiro

André Rocha: “River Plate “arame liso” salva um Flamengo ciente do seu tamanho na América”

Fla enfrenta Atlético-MG com 12 garotos formados na base

EI: “Cuéllar ‘desarma’ perguntas inusitadas com bom humor: o volante do Fla como você nunca viu”